A difícil arte de ser produtivo num mundo de distrações
Compartilhar



Por Viviane Mansi


Entre as várias demandas modernas, uma palavra tem se tornando um mantra para os executivos: produtividade. Em tempos de crise econômica e incertezas de mercado, é preciso fazer mais com menos. Todos nós conhecemos a receita, pois também fazemos isso em nossa casa. Quando temos mais recursos, investimos em coisas que nos dão mais prazer e satisfação. Quando o orçamento fica mais limitado, vamos cortando aquilo que não nos parece fundamental (e muitas vezes fazemos sacrifícios para preservar essas coisas que nos dão o tal prazer e satisfação).


As empresas estão fazendo a mesma coisa. Algumas têm investido em revisão de processos e sistemas para desburocratizar o dia a dia, em projetos que trazem eficiência de algumas áreas e assim por diante. Outras também têm investido em falar de produtividade pessoal. Aí encontramos diversas dicas, como ter foco, organizar bem o dia, fazer as tarefas difíceis primeiro, separar o urgente do importante, evitar ler e-mails o dia todo, evitar dispersões ao longo do dia em redes sociais, definir metas, acordar cedo, etc, etc, etc (Dicas precisas estão disponíveis no Pinterest, em versão infográfico, para todos os gostos e necessidades).


Tudo isso tem seu valor, mas é sempre bom a gente pensar se todas essas sugestões genéricas são úteis e nos fazem felizes. Explico-me: não somos máquinas. Como seres vivos, experiências contam. Reduzir o nosso dia a dia à execução de tarefas ordenadas e pré-planejadas pode ser produtivo apenas no curto prazo. A pausa para o café, a conversa com os colegas, a pesquisa despretensiosa de algum tema que nos interessa… tudo isso alimenta a alma, o coração e a forma como lidamos com as tarefas do cotidiano.


É importante ser produtivo, claro, mas é mais importante ser feliz. Combinar as duas coisas é uma arte, não uma ciência. Vale a pena conhecer os muitos modelos de produtividade e melhorar sempre nosso ambiente de trabalho, mas no limite de isso não impactar a nossa criatividade, inovação e vontade de fazer diferente.


Chegar para trabalhar com o sorriso no rosto e com o ânimo que só tem quem gosta e se diverte com o que faz tem benefícios maiores que aqueles medidos pelos ponteiros do relógio ou pelas fórmulas da produtividade.


Estar conectado com um propósito, acreditar no trabalho que fazemos e curtir a relação entre os colegas já traz o foco necessário para fazermos mais com menos, em menos tempo.


A gente tende a se distrair mais quando o entorno parece mais simpático, atraente e divertido que o próprio trabalho. Nesse caso, precisamos refletir sobre nosso propósito (o que a gente busca no trabalho). Quando esse tema encontra alguma sintonia com o propósito da empresa para a qual trabalhamos, nós nos tornamos mais resilientes. Se, por outro lado, não vemos esse ponto de encontro, talvez seja a hora de começar a pesquisar outras oportunidades que nos tragam mais brilho nos olhos, e realmente nos façam amar as segundas-feiras. Estamos diante de uma busca pessoal, intransferível, mas necessária. É o momento de repensarmos a nossa felicidade, sem nenhuma distração relevante.


Viviane Mansi é mestre em Comunicação, pesquisadora, professora, mãe, esposa, e gerente global de comunicação interna numa grande empresa. Teve a felicidade (e a sorte!) de encontrar o seu propósito logo no início da carreira.


Fonte: https://www.lovemondays.com.br/blog/a-dificil-arte-de-ser-produtivo-num-mundo-de-distracoes


Mais notícias

6 Perguntas Para Entrevistar Um Candidato A Emprego
8 coisas que você não deve fazer se perdeu o emprego
Entenda a holocracia e como ela não faz sentido no Brasil
Este artigo vai ajudar você a transformar sua empresa em um modelo de vendas
Marketing pessoal no trabalho (ou: Como não ser demitido no meio da crise)
4 passos para cortar custos da sua empresa sem perder a eficiência
Qual o seu portifólio de competências para inovar?
Infográfico: As Competências dos Inovadores
Grandes truques para entender a linguagem corporal das pessoas
4 dicas para seguir na hora de procurar um novo emprego
6 segredos dos currículos que são ímãs de recrutadores
O que os recrutadores mais olham no currículo
Oito hábitos diários surpreendentes das pessoas mais bem sucedidas do mundo
O tom da sua voz afeta a sua carreira
Como se diferenciar em uma entrevista de emprego
20 habilidades mais buscadas pelas empresas nos candidatos
Dez mandamentos para conquistar a confiança dos seus colegas de trabalho
Tolerância - Atributo de Pessoas de Sucesso
Acomodou? confira oito dicas para mudar e se dar bem no trabalho!
O emprego temporário e suas oportunidades
Liderança: Dez passos para delegar mais e controlar menos
Como melhorar o rendimento no trabalho?
Como a ansiedade pode atrapalhar o seu rendimento no trabalho?
Seis maneiras de criar relações profissionais mais fortes e positivas
Gentileza como vantagem profissional
A importância da conduta ética no trabalho
Como ser produtivo no trabalho?
5 exercícios para reduzir o seu stress em 5 minutos
A gestão do tempo como sua aliada na busca pelo sucesso
Porque todo jovem deveria considerar a área de vendas para iniciar sua carreira
Confraternização na empresa: o que você deve ou não fazer
Trabalho Voluntário: motivação para fazer o bem
Como evitar a ansiedade em uma entrevista de emprego
Como começar o dia bem no trabalho?
Comportamentos que devem ser evitados no trabalho
Atitudes que podem sabotar seu desempenho profissional
Dicas de como se destacar no trabalho
Como aumentar a autoconfiança
Estudo em grupo ou individual para concursos públicos?
Competitividade: Desenvolvimento profissional
8 profissões que estão em alta este ano
Veja 5 dicas para distribuir as matérias no estudo para concursos
Os empregos que podem deixar de existir em 2025
5 dicas para passar em um concurso público
A importância do feedback positivo e negativo na empresa
5 melhores áreas para empreender em 2017
8 sinais que pessoas de sucesso compartilham
Os livros que irão mudar a sua maneira de ver o mundo
Como agir em entrevistas de emprego
4 dicas para quem quer empreender, mas não sabe como começar
Pontos fora de curva: o que faz os profissionais jovens se destacarem?
Como lidar com o resultado de uma avaliação pessoal e profissional
Entenda a diferença entre estágio e trainee, e como funciona cada programa
Autodisciplina no trabalho: 6 dicas para desenvolvê-la
"Como ficar rico"? 9 atitudes que podem estar te afastando deste sonho
Em tempos difíceis, destaque-se
5 coisas que você deve fazer antes de uma entrevista de emprego
O Plano de Negócios (?Business Plan?)
O que fazer e o que não fazer nos 10 primeiros dias de trabalho
Três boas razões para usar CorelDRAW
9 passos fundamentais para organizar tempo para estudar
5 atividades que ajudam a descobrir a sua vocação profissional
COMEÇANDO UM NEGÓCIO PRÓPRIO: manter o emprego ou ser empreendedor em tempo inte
Designer gráfico | Ganhe um salário extra ou monte seu negócio
5 formas de ganhar dinheiro com manutenção de PCs
Como ser um Freelancer em CAD
Por que qualificação profissional é fundamental?
O aluno como protagonista: a importância da personalização na educação superior
Faça um
curso grátis